Trinta anos e algumas considerações

domingo, 22 de novembro de 2015

Tic tac... E eu olhando para o celular esperando dar meia noite pra dizer que enfim tenho 30 anos... E tipo: "é isso?", "nada mudou?", "é a idade do sucesso?". Bem, eu me lembro especificamente de uma moça fazendo 30 anos quando eu tinha vinte e poucos, na verdade eu tinha 20 anos. Amigos cantando parabéns e uma frase dita a ela me marcou, e foi essa: "Boa sorte em sua nova década". Nesse momento eu tentava me imaginar como eu estaria nessa idade. Eu fazia muitos planos como qualquer pessoa, eu achava inclusive que hoje em dia eu estaria casada, com filhos e etc. Mas como podem ver, ainda gosto de blog, coisas fofas e reservo muito tempo pra mim mesma Não digo que outra pessoa com filhos e marido não possa fazer, mas eu estou bem e me sinto mais livre. Isso é sinal que talvez não seja agora a hora de realizar esse tipo de sonho/meta, enfim.
É muito louco porque não dá pra saber o que mudou em mim. Muita gente diz que essa é a idade em que a mulher de fato se encontra, esta mais feliz e segura consigo mesma. Eu sei que estou mais madura e as responsabilidades mudaram, porém continuo com muitas inseguranças de antes e eu não tenho vergonha de dizer que não fiz ou realizei coisas que gostaria de ter feito. Isso porque eu tenho a vida INTEIRA pra fazer e o mundo é cheio de possibilidades. O que me motiva a viver é realizar sonhos, cada um a seu tempo. Se eu pensasse que não poderia alcançar mais nada porque cheguei a uma determinada idade, acho que perderia inúmeras motivações pra viver {E viver pra mim é sonhar} Sonhar com a cabeça nas nuvens sim, porém com os pés no chão.
Hoje eu faço 30 anos e olho pra trás pra ver o que eu construi, o que eu realizei e vejo que muitas coisas estão pela metade e outras tive sucesso e eu acho que isso é o reflexo da minha vida aos 20 e poucos. Consequentemente terei a mesma impressão quando chegar aos 40. Esse dia de hoje me deu uma lição eterna que todos vão sentir ao chegar em idades "chaves" {30, 40, 50 e etc...}. Acho que o que eu ouvi no aniversário daquela menina foi um sinal que só hoje pude entendi o verdadeiro valor, não pela palavra sorte apenas, mas pela década que não pode ser perdida. Bem, não tenho muito o que dizer, são apenas minhas considerações. Bjs a todos e todas

Meus batons da Tracta ❥ Nala, Bela e Hermione

terça-feira, 3 de novembro de 2015
Eu sempre acompanhei o blog e os lançamentos de maquiagem da Bruna Tavares do Pausa para feminices. Os itens do momento que fazem mais sucesso são os batons dela, que são super conhecidos pela qualidade e cores lindas. Eu tenho apenas três que são o meu xodó e super indico porque combina com TODOS os tons de pele, e o melhor de tudo, eles são super mate!

Então, eles vem nessa caixinha linda aí em cima com o tema do blog da Bruna. Eu tava tão preocupada em fazer os swatches das cores dos batons que esqueci de tirar fotos das embalagens. Você pode visualizar aqui se não conhecem. São pretas, de boa qualidade, simples no design porém muito bonitas também.
O que falar a respeito deles? Bem, é unânime como as meninas gostam desses batons e das cores. Na minha opinião a textura e durabilidade deles é a mesma. Como eles são sequinhos não é preciso retocar muitas vezes não. Vou tentar descrever as cores... Ahhh, lembrando que em cada tom de pele a cor pode ter um outro efeito, mas até hoje não ouvi ou li resenhas onde digam "ahh, infelizmente essa cor não combina comigo". É uma boa aposta se você quer batons coringas como esses meus aqui:
Nala O Nala é o meu preferido dos três. Ele é um marrom com um fundo rosado. Eu sinto que em mim ele fica um cor de boca discreto, porém muito charmoso e "aparece". Achei ele lindão. Quando usei pela primeira vez não parava de ficar me olhando.
Bela O Bela é a famosa cor do momento Marsala, que eu descrevo como um marrom mais escuro com um toque vermelho na composição. Fica perfeito em pele negra! Confesso que dos 3 é o que eu menos uso. Eu considero ele uma cor pra quem não quer ousar no vermelho, porém quer uma cor que chame atenção sem ter aquele "páááá" que qualquer batom vermelho tem.
Hermione O divo Hermione foi o que eu fiquei com mais dúvida se compraria ou não. Pois eu achei que ele tivesse um fundo frio, e pro meu tom de pele não rolaria. Mas felizmente eu me enganei. Eu acho que ele tmbém é marrom, mas com fundo malva acinzentado. Mais um da família Kylie Jenner. Super chique!
A Bruna seeeeeempre se inspira nas tendências de cores usadas lá fora. Por isso acho muito bom termos uma marca aqui que proporcione pra gente boa qualidade e durabilidade. Ainda pretendo comprar mais cores da marca. A venda deles só é feita aqui ó. E você? Tem alguma batom do Pausa para Feminices. Bjs